As medidas apresentadas por Beto Richa contra os professores do Paraná são muito graves. É importante entendê-las com clareza

Publicado em 18/01/17 10:58:43 | Sebastião Santarosa


1. Beto Richa estará desempregando SETE MIL professores. Muitos jovens que investiram boa parte da vida em sua formação acabarão tendo que procurar outras atividades. Isso em um tempo de profunda recessão e de enorme carência de profissionais da educação; 

2. Beto Richa reduzirá a quantidade de horas-atividades e elevará a quantidade de horas em sala de aula, provocando ainda mais desgastes nos professores, aumentando o cansaço e os níveis de stress. As salas de aulas, em razão da falta de uma proposta pedagógica clara e de infraestrutura adequada oferecida pelo próprio governo, são ambientes mórbidos, intoleráveis, exigindo muito esforço individual do professor para obter preparo técnico e emocional. Com a redução de horas-atividade, teremos mais professores doentes e afastados da sala de aula, com prejuízos óbvios;

3. Beto Richa impedirá que professores que se afastaram do trabalho no último ano, inclusive por motivo de saúde comprovado, assumam aulas extraordinárias ou como PSS. Isso é um desrespeito aos direitos humanos inaceitável, totalmente incompatível com qualquer proposta educacional. O professor que for vítima dessa medida, na verdade, estará sendo punido por ter exercido o direito de se ausentar da sala de aula para tratar da saúde. Ora, a consequência disso é que os professores, no futuro próximo, não irão mais procurar ajuda médica quando for necessário, submetendo-se mesmo doentes à rotina escolar, pois terão medo de perder seus postos de trabalho. Como pode haver educação de qualidade com professores doentes ou impedidos de se tratar? Algum pai, em sã consciência, quer ver seu filho sendo educado por alguém que esteja doente? Essa medida constrangedora é de profunda insensibilidade, caracteriza, no mínimo, assédio moral;

4. Em síntese: Beto Richa reduz o salário dos professores não pagando a data-base; Beto Richa reduz a hora-atividade aumentando a jornada diária do professor; Beto Richa ameaça punir o professor que ficar doente; Beto Richa coloca no olho da rua milhares de jovens professores. Se em nossas escolas já existem inúmeros problemas e, muitas vezes, é preciso ter a força de Hércules para entrar em uma sala de aula, quem irá querer professor nessas condições? Qual professor entrará animado em sala de aula no início deste ano letivo? Observem que esse descaso com os professores, essa verdadeira agressão moral, FARÁ COMO PRINCIPAL VÍTIMA, obviamente, NOSSAS CRIANÇAS E NOSSOS JOVENS;

5. É importante que o povo paranaense abra os olhos com urgência e perceba o que é o governo Beto Richa, esse mesmo que se vangloria de estar com as contas em dia, esse mesmo que surrupiou oito bilhões da previdência dos servidores, esse mesmo que aumentou em 40% o IPVA, que aumentou o ICMS, as tarifas de água e de luz, e, que, ainda, é citado em muitas ações de corrupção no Estado, mas não é investigado por manter controle político sobre o judiciário e o legislativo;

6. Não é possível o conformismo e o silenciamento. Vamos à luta em defesa da escola pública, pais, estudantes e educadores.